Clientes que viram {{prodName}} também viram


Xilogravura Máquina Antiga em moldura de José Lourenço

Xilogravura Máquina Antiga em moldura de ...

  • único

R$ 99,70

REF.: 753037830

Xilogravura Máquina Antiga em moldura de José Lourenço

REF.: 753037830

Vendido e Entregue por: ARMAZEM CORES DO BRASIL

O que é uma loja parceira?

A Camicado busca de maneira incessante trazer a melhor experiência para nossos cliente, por isso compartilhamos a nossa plataforma para Lojistas Parceiros afim de entregar para você a melhor solução de Moda Casa!

Aproveite para conhecer outros produtos desse parceiro, basta clicar no nome da sua loja, que fica na página de produto em cima do preço, e pronto!

Será direcionado a uma página com todos os produtos vendidos e entregue por ele.

R$ 99,70

1x de R$ 99,70 s/ juros no cartão de Crédito

1x de R$ 99,70 s/ juros no cartão Renner e Meu Cartão

Cor:

Tamanho:

  • único
Quantidade
Digite o CEP
Prazo de entrega
  • Detalhes do produto
  • Destaque do produto
  • Troca e devolução

Descrição

Xilogravura Máquina Antiga em moldura de José Lourenço

Xilogravura Máquina Antiga, do Álbum Da Lira, é uma peça única feita artesanalmente pelo artista José Lourenço. O quadro em formato de caixa com vidro e acabamento em preto apresenta no seu interior uma bela xilogravura, em branco e preto, que retrata uma grande máquina antiga para impressão de xilogravuras na Lira Nordestina. A xilogravura é uma técnica de gravura que se utiliza de uma madeira entalhada com algum desenho como matriz e possibilita a reprodução da imagem gravada sobre o papel ou outro suporte. As gravuras de José Lourenço são ambientadas na cultura popular, com inspiração da literatura de cordel e do imaginário da cultura nordestina. Seus trabalhos são impressos a partir das chapas de madeira, e apresentam bichos, rostos humanos, figuras do imaginário e objetos da cultura local.

Tanta beleza e originalidade chama a atenção para esta técnica e em como utilizar as matrizes e gravuras na decoração. A presença da xilogravura na decoração começa com a maior valorização da arte popular brasileira e do que é regional, que vem acontecendo nos últimos anos. Não existe uma situação específica para que os elementos da arte e artesanato popular sejam inseridos na decoração, pois é possível decorar com peças regionais, únicas, artesanais, feitas com materiais naturais, sem transformar o ambiente em um conjunto temático. Os elementos regionais, usados com bom senso, humanizam os ambientes e trazem uma sensação de aconchego, pelos aspectos da cultura de uma comunidade, além de reforçarem traços da identidade do morador da casa. Em geral, dão um toque bem particular, que pode ser rústico, elegante e até divertido. 

Origem: Juazeiro do Norte no Ceará (CE).

Material: Papel e tinta.

Observações:  Produtos feitos artesanalmente podem apresentar alterações de dimensões e variações de cores, o que não caracteriza falhas na peça. 

Artista: José Lourenço teve seu primeiro contato com a xilogravura aos 13 anos, a partir do seu avô, Pedro Luiz Gonzaga, que cortava papel na Tipografia São Francisco. Junto com seus irmãos, ele ficava varrendo a editora que, na época, ficava na Rua Santa Luzia. Quatro anos depois, retornou a Juazeiro do Norte para trabalhar na gráfica com a impressão dos cordéis, na época, com capas de Stênio Diniz e Abraão Batista. Contudo, a demanda era grande e os dois grandes xilógrafos não tinham tempo para fazer todas as capas dos cordéis. O jovem José Lourenço começou então a rabiscar, enquanto seu patrão, o poeta Expedito Sebastião da Silva, observava. José Lourenço está há mais de trinta anos na Lira Nordestina e chegou a trabalhar com as filhas do fundador, o alagoano José Bernardo da Silva.

Medidas:A-24cm L-18cm P-3,5cm            Peso: 560 gramas

Informações técnicas

Marca JOSE LOURENÇO

Dimensões do produto

Altura: 30 CM
Largura: 30 CM
Profundidade: 10 CM
Peso: 0 kg

Troca e devoluções

Caso não fique satisfeito com o produto, você tem 7 corridos após o recebimento para troca.

Clique aqui para mais informações
Detalhes do produto

Descrição

Xilogravura Máquina Antiga em moldura de José Lourenço

Xilogravura Máquina Antiga, do Álbum Da Lira, é uma peça única feita artesanalmente pelo artista José Lourenço. O quadro em formato de caixa com vidro e acabamento em preto apresenta no seu interior uma bela xilogravura, em branco e preto, que retrata uma grande máquina antiga para impressão de xilogravuras na Lira Nordestina. A xilogravura é uma técnica de gravura que se utiliza de uma madeira entalhada com algum desenho como matriz e possibilita a reprodução da imagem gravada sobre o papel ou outro suporte. As gravuras de José Lourenço são ambientadas na cultura popular, com inspiração da literatura de cordel e do imaginário da cultura nordestina. Seus trabalhos são impressos a partir das chapas de madeira, e apresentam bichos, rostos humanos, figuras do imaginário e objetos da cultura local.

Tanta beleza e originalidade chama a atenção para esta técnica e em como utilizar as matrizes e gravuras na decoração. A presença da xilogravura na decoração começa com a maior valorização da arte popular brasileira e do que é regional, que vem acontecendo nos últimos anos. Não existe uma situação específica para que os elementos da arte e artesanato popular sejam inseridos na decoração, pois é possível decorar com peças regionais, únicas, artesanais, feitas com materiais naturais, sem transformar o ambiente em um conjunto temático. Os elementos regionais, usados com bom senso, humanizam os ambientes e trazem uma sensação de aconchego, pelos aspectos da cultura de uma comunidade, além de reforçarem traços da identidade do morador da casa. Em geral, dão um toque bem particular, que pode ser rústico, elegante e até divertido. 

Origem: Juazeiro do Norte no Ceará (CE).

Material: Papel e tinta.

Observações:  Produtos feitos artesanalmente podem apresentar alterações de dimensões e variações de cores, o que não caracteriza falhas na peça. 

Artista: José Lourenço teve seu primeiro contato com a xilogravura aos 13 anos, a partir do seu avô, Pedro Luiz Gonzaga, que cortava papel na Tipografia São Francisco. Junto com seus irmãos, ele ficava varrendo a editora que, na época, ficava na Rua Santa Luzia. Quatro anos depois, retornou a Juazeiro do Norte para trabalhar na gráfica com a impressão dos cordéis, na época, com capas de Stênio Diniz e Abraão Batista. Contudo, a demanda era grande e os dois grandes xilógrafos não tinham tempo para fazer todas as capas dos cordéis. O jovem José Lourenço começou então a rabiscar, enquanto seu patrão, o poeta Expedito Sebastião da Silva, observava. José Lourenço está há mais de trinta anos na Lira Nordestina e chegou a trabalhar com as filhas do fundador, o alagoano José Bernardo da Silva.

Medidas:A-24cm L-18cm P-3,5cm            Peso: 560 gramas

Informações técnicas

Marca JOSE LOURENÇO

Dimensões do produto

Altura: 30 CM
Largura: 30 CM
Profundidade: 10 CM
Peso: 0 kg
Troca e devolução

Troca e devoluções

Caso não fique satisfeito com o produto, você tem 7 corridos após o recebimento para troca.

Clique aqui para mais informações